Em 2018 apresentei os representantes da Associação dos Motofretistas de Aplicativos e Autônomos do Brasil (AMABR) ao então Governador do Estado de São Paulo, Márcio França, que aumentou o limite de crédito para compra da motocicleta, documentação e equipamentos de segurança de R$7.500,00 para R$15.000,00.

 

Promovi uma reunião, entre o Prefeito Bruno Covas e os profissionais motofretistas, da qual nasceu o Projeto de Lei 30/2019.

Camilo e os Motofretistas em frente à Câmara Municipal de São Paulo

Em Defesa dos Motofretistas

Reunião com os motofretistas na Câmara Municipal dos Vereadores de São Paulo.

Apresentei o Projeto de Lei 130/2019 na Câmara Municipal de São Paulo que objetiva agregar condições de trabalho mais dignas,

Camilo Cristófaro e a lei dos Motofretistas PL130/19
  • propõe que os aplicativos passem a ter responsabilidade pelos seus entregadores;

  • dispõe a criação de um canal de comunicação entre entregadores e aplicativos;

  • indica que os entregadores tenham até 3 anos para se regularizar;

  • sugere que os entregadores passem a ser segurados pelo INSS;

  • além de conquistarem o direito ao seguro de vida;

  • vaga de estacionamento rotativa em prédios comerciais/ privados/ restaurantes/ tomadores de serviços;

  • e banheiros para uso dos profissionais em serviços.

Vídeos e Fotos

Foto 6
Foto 6

press to zoom
Foto 4
Foto 4

press to zoom
Foto 5
Foto 5

press to zoom
Foto 6
Foto 6

press to zoom
1/3

Saiba mais!

Clique na imagem para conhecer os trabalhos

jornal 2_2x.png
saúde_2x.png
Multas_2x.png
moto_2x.png