top of page

Capital abre 80 vagas para protetores independentes de animais

O processo para cadastramento segue até o dia 4 de abril; são oferecidas 80 vagas para pessoas residentes e atuantes no município de São Paulo

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS), por meio da Coordenadoria de Saúde e Proteção ao Animal Doméstico (Cosap), abriu novo processo de cadastramento de protetores independentes de animais. A iniciativa faz parte do Programa de Apoio ao Protetor Independente (Papi). Serão 80 vagas, válidas por dois anos.


O objetivo do programa é dar apoio aos cidadãos que, atuando de forma complementar ao poder público, exercem importante trabalho de resgate de cães e gatos abandonados ou em situação de risco. Por meio da atividade, são oferecidos a esses protetores independentes serviços como castração (sem limite do número de procedimentos), além de aplicação de vacina antirrábica e identificação por microchip.


Vale ressaltar que são considerados protetores independentes de animais pessoas físicas não vinculadas a entidades de proteção animal. “O protetor tem um olhar humanizado para a situação do animal abandonado e ferido. Faz esse trabalho com amor e altruísmo, resgatando, provendo assistência necessária para preparo e encaminhamento à adoção responsável ou devolução à comunidade em que vivem”, afirma Telma Rocha Tavares, diretora da Divisão de Controle da População de Cães e Gatos da Cosap.


Condições para realizar o cadastro

As pessoas interessadas em se cadastrar como protetores independentes têm até o dia 4 de abril para a entrega das propostas. Elas deverão apresentar documentos pessoais, declaração ou carta de recomendação emitida por médico veterinário reconhecendo o trabalho de protetor individual. Também será realizada visita técnica ao imóvel para verificar as condições em que são mantidos os animais, que dará origem a uma classificação para a efetivação do cadastro.


Após convocação, o protetor deverá ainda assinar o termo de adesão presencialmente na sede da Cosap, momento em que será entregue crachá de identificação para acesso às unidades.



Mutirão tira-dúvidas

Para auxiliar os interessados na compreensão das regras previstas no edital de credenciamento, a Cosap organizou um mutirão para esclarecimentos de dúvidas que acontecerá na sede da coordenadoria, localizada à rua Santa Eulália, 86, Santana, no dia 15 de março, das 9h às 16h.


Fonte: https://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/saude

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page